A natureza do caráter cristão – 7

A NATUREZA DO CARÁTER CRISTÃO

 Igreja Evangélica Assembléia de Deus – Recife / PE – Superintendência das Escolas Bíblicas Dominicais- Pr. Presidente: Ailton José Alves

 Fonte: http://www.radioboasnovas.net

INTRODUÇÃO

 

Estamos iniciando mais um trimestre sob a benção de Deus. E nesta oportunidade para estudar sobre A busca do caráter cristão – Aprendendo com os homens e mulheres da Bíblia, onde faremos uma viagem histórica acompanhando a vida e o caráter de alguns homens e mulheres de Deus, aprendendo com seus erros e acertos. Entretanto, nesta lição, aprenderemos sobre a natureza do caráter cristão, mostrando as bases bíblicas sobre a qual se fundamenta essa natureza.

 I – DEFINIÇÕES

 

TERMO

DEFINIÇÃO

SIGNIFICADO


Personalidade

É o conjunto de qualidades físicas, intelectuais e psíquicas que caracterizam um indivíduo, sendo o caráter, o temperamento e o “Eu” componentes dessa personalidade.

É o nosso total modo peculiar de ser, caracterizado pelas nossas ações, reações e expressividade



Caráter

É a expressão da personalidade; seu aspecto subjetivo.

É o conjunto das qualidades boas ou más de um indivíduo que lhe determina a conduta – como a pessoa age.



Temperamento

É o aspecto dinâmico ou objetivo da nossa personalidade.

É aquilo que em nossa personalidade nos faz diferentes dos outros, nos faz únicos no universo.



Eu” “Ego”

É o aspecto espiritual de nossa personalidade

É a pessoa em si mesma. Corresponde à nossa consciência


……………

Principais diferenças entre Caráter e Temperamento

É formado pelo meio-ambiente do lar (os pais, família em geral); Meio-ambiente da comunidade; Meio ambiente da escola; do trabalho, da religião e sua prática; da comunicação em massa ( o que se lê, o que se vê, a televisão, por exemplo, e o que se ouve).

É herdado do pais e parentes próximos, sendo:

* 50% dos pais

* 1/4 dos avós.

* 3/16 dos bisavós.

* 1/16 dos trisavós. A Bíblia diz: “Até a terceira e quarta geração”(Ex 20:5)



Pode ser mudado, …mas não é fácil! Jesus pode mudá-lo milagrosamente num instante (2 Cor 5:17), e continuar mudando-o, à medida que nos rendemos a Ele (Fl 1:6; e 2Cor 3:18).

Não pode ser mudado, mas pode e deve ser controlado. O Espírito Santo que controlá-lo, à luz de Ef 5:18-21).



Todo indivíduo possui caráter, seja bom ou mal.

Todo indivíduo possui temperamentos que podem ser classificados em quatro categorias: Melancólico (Introvertido),

Colérico (extrovertido); Fleumático (Superintrovertido) e

Sanguíneo (Superextrovertido).


 

II – A NATUREZA DO CARÁTER DO HOMEM

2.1. Antes da Queda – A Palavra de Deus afirma a respeito da criação do homem:”Eis que era muito bom”(Gn 1:31), e ainda “Deus fez o homem reto”(Ecl 7:29). Todas as tendências humanas estavam voltadas para coisas boas, todo sentimento de seu coração voltavam-se para Deus, e nisto consistia a sua semelhança moral com o criador. O homem era perfeito em santidade, retidão e justiça, e essas qualidades eram reflexo dos atributos morais e imanentes de Deus no homem (Lv. 20:7; Ef. 4:24; 1 Jo 2:29;).

 

2.2.Depois da Queda – Após a queda, a natureza moral do homem foi corrompida pelo pecado(Rm 1:18-32; 3:23; ), e o homem que era santo e perfeito, tornou-se pecador e imperfeito(Gn 6: 3,5; Rm 3: 9-23; Gl 5:19-22).

 

2.3.A partir da morte de Cristo – somente a partir da obra de Cristo na cruz do calvário, mediante a ministração do Espírito Santo, é que o homem poderá ser revestido de uma “nova natureza”, criada segundo Deus, “em justiça e retidão procedentes da verdade”(Ef 4:24;1 Co 1:30). E esse “novo homem” é o crente salvo, que é “a imagem daquele que o criou” (Cl 3:10). O pecado desfigurou a imagem de Deus no homem, porém Jesus veio para restaurá-la, fazendo-se homem e nos dando o exemplo de como Deus queria que os homens vivessem, tornado-se, o nosso exemplo( Fl 2:5; 1 Pe 1:21).

 

III – QUAL O SIGNIFICADO DO TERMO CARÁTER NO N.T. ?

O vocábulo português encontra-se na Almeida Revista e Atualizada(ARA), no texto de Mt 10:41 e Fl 2:22. Porém, não traduz o original charakter, mas o grego onoma (nome) nas duas ocorrências em Mateus e dokime (qualidade de ser provado) em Filipenses. A única ocorrência da palavra “charakter” em seu sentido verbal e imediato encontra-se em Hb 1:3, no trecho bíblico em que o autor afirma que Jesus Cristo é a “expressa imagem” da pessoa de Deus. Ele é o “charakter” – “a reprodução exata” – da Hypóstasis (“substância” “essência” ou “natureza”) do próprio Deus.

 

IV – CONTRASTES ENTRE A VELHA E A NOVA NATUREZA HUMANA

O apóstolo Paulo, em sua carta aos efésios(ver leitura bíblica em classe), nos mostra alguns constrastes entre o “velho homem” que é produto da desobediência, e o “novo homem” que nasce em Cristo para a glória de Deus. Vejamos algunas diferenças no quadro antitético abaixo:

VELHO HOMEM

NOVO HOMEM


Anda na vaidade de seus sentidos(v. 17)

Anda em verdadeira justiça e santidade (v.24)



Obscurecido de entendimento e alheio a vida de Deus (v.18).

Vive uma vida de renovação de mente, de sorte que os velhos pensamentos são dissipados para dar lugar a forma de pensar de Cristo(v.23)



Coração endurecido e estado insensível(v.18)

É sensível a Deus e ao Seu Santo Espírito(v.30)



V- COMO MANTER VIVO O CARÁTER CRISTÃO

A Bíblia nos mostra alguns princípios que devemos observar para manter vivo o caráter cristão:

a) Andar em Espírito (Gl 5:16);

b) Viver uma vida de santidade (Ef 4:22-5:1;1 Ts 5:23; 1Pe 1:16;);

c) Mantendo sempre comunhão com Deus (At 2:42; Rm 8:1,9; 2 Cor 13:13; 1 Pe 1:2);

d) Obedecendo à Palavra e a liderança da Igreja (1 Pe 1:2 ; Hb 13:7;17; 1 Ts 5:12,13);

e) Amando a Deus e ao próximo (1 Cor 13; Col 3; 12-17; 1 Jo 4:7,8).

f) Manifestando o fruto do Espírito (Jo 15:1-5,16; Gl 5:22,23; Ef 2:10).

 

 Conclusão

 

A medida que nos entregamos ao Senhor, passamos a viver uma vida de maior comunhão com Ele, sendo isso refletido em nossas ações, atitudes, escolhas e responsabilidades. Somos transformados através da Palavra gerando o novo nascimento, onde Deus nos comunica uma nova natureza instantaneamente, e também temos o nosso caráter transformado a medida em que nos rendemos a Cristo, utilizando Ele, diversos instrumentos para moldar-nos e conduzirnos ao projeto de Deus para nossas vidas.

 

Anúncios

Um comentário em “A natureza do caráter cristão – 7

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s